30/06/2014
No SERPROS em Dia de 10 de junho, divulgamos a importância do participante do PS-I fazer sua inscrição no PS-II. No entanto, devido às dúvidas levantadas por participantes com relação aos valores de pecúlio e a pensão por morte, esclarecemos que o exemplo dado é de um participante ativo do PS-I.

Assim, somente os participantes ativos do PS-I que ainda não aderiram ao PS-II, ou seja, quem ainda não se aposentou pelo PS-I é que têm sua pensão por morte calculada com base na reserva de poupança, e não têm direito ao pecúlio por morte – daí a importância de aderir ao PS-II e garantir que, em caso de falecimento, a pensão por morte seja calculada pela média salarial dos últimos 36 meses e os beneficiários tenham direito ao pecúlio.

É importante destacar que os beneficiários de quem já é aposentado pelo PS-I terão direito à pensão por morte calculada com base no benefício do assistido, além do pecúlio por morte.

ESCLARECIMENTOS SOBRE A ADESÃO AO PS-II